O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgou nesta terça-feira (3) resultados do Produto Interno Bruto (PIB) do 3º trimestre, que mostra um crescimento de 0,6% em comparação com o 2º trimestre.

Segundo a análise dos especialistas, o crescimento foi puxado pelo consumo das famílias, que cresceu, além da volta dos investimentos privados, incentivados com as reformas apresentadas pelo governo.

Em valores absolutos, o PIB totalizou R$ 1,842 trilhão, ensaiando uma recuperação positiva para o ano, com uma leve aceleração da recuperação da economia entre os meses de julho e setembro.

O instituto também revisou os dados anteriores, atualizando os números do 1º e 2º trimestres.

Sendo que a revisão do 2º trimestre ficou em uma alta de 0,5%, ante a leitura anterior de 0,4%.

Já o 1º trimestre foi revisado para estabilidade, ao invés de queda de 0,1%.