O pastor Silas Malafaia anunciou nesta quinta-feira (7) que o youtuber Cauê Moura foi condenado criminalmente por injúria ao acusá-lo de roubar dinheiro de fiéis.

Malafaia afirmou no vídeo que entrará na Justiça contra qualquer pessoa que o acusar de roubar fiéis, lembrando o caso do também youtuber Felipe Neto, que acabou fechando acordo para não ser condenado.

“Todas as vezes que alguém entra nesta questão [de roubar dinheiro de fiéis] e grava vídeo, eu não vou deixar passar.

Eu não vou aceitar que alguém insinue que eu roubo dinheiro de igreja ou de fiéis”.

declarou.

Ele explicou ainda que entrou na Justiça pedindo uma retratação, mas que o youtuber acabou sendo condenado por difamação.

“A minha questão não é que discorde de mim.

Entrou na área de injúria, de difamação e de calúnia, eu não vou ficar quieto.

Não vou deixar passar”, disse.

Assista: